Horto Florestal de Chapada dos Guimarães

Passeios Sep 29, 2019

Se você é do tipo que gosta de plantas e vislumbra árvores frondosas ao ver uma muda, O Horto pode ser um passeio bem agradável. Ali, poderá beber água fresca, prosear com os trabalhadores, saber um pouco mais sobre as plantas, coletar ervas e adquirir mudas.

O Horto é uma pequena reserva com mata nativa que possui duas nascentes, uma queda d’água, um bosque, um viveiro para produção de mudas e uma farmácia viva. Fomos atendidos pelos senhores Gilmar e Antônio, que com muita tranquilidade e disposição nos mostraram o trabalho que ali desenvolvem.

O viveiro produz mudas de vários tipos e espécies exóticas, nativas, ornamentais e frutíferas. Das frutíferas, podemos destacar o caju, abacate, pitanga, goiaba, tamarindo e bacupari – esta última, uma fruta quase desconhecida mas eficiente no combate à cárie.

Há também mudas de  ipês, café, pau brasil, pata de vaca, jatobá, canela, cumbaru, imburana, acácia amarela (pingo de ouro), dentre outras. Entre estas, Gilmar destacou a moringa, conhecida como árvore da vida, que é considerada um superalimento e suas folhas tem propriedade medicinais.

O que mais chamou atenção no horto foi a Farmácia Viva. Entre as plantas medicinais, estão a carqueja, cavalinha, boldo, vick, erva baleeira, poejo, citronela, mirra, cidreira, anador, losna e gengibre. Fiquei particularmente entusiasmada com a mirra, que facilita a respiração e possui um perfume único – algo que me inspirou a começar um jardim em casa.

Atualmente  a prefeitura mantém os três funcionários do horto e, em parceira com projetos da UFMT e da Empaer, buscam aumentar a produção de mudas. Pela carência de material de trabalho – roçadeiras, ferramentas de cultivo e material de consumo – a produção fica um pouco prejudicada mas, segundo os funcionários, são as doações de caixas de leite, saquinhos, terra preta, esterco e sementes, que estão sustentando o lugar.

Como Funciona?

O Horto fica aberto para visitação de segunda a sexta – manhã e tarde com intervalo no horário do almoço. A entrada é gratuita e para chegar é bem simples. Veja no mapa ao lado.

As mudas são distribuídas de forma gratuita, sendo possível levar até quatro plantas por pessoa.

Allegra Otto

"Quem anda no trilho é trem de ferro. Sou água que corre entre pedras - liberdade caça jeito" Manoel de Barros